12/07/2013

Grupo de trabalho define seis etapas para recuperar Mercado Público

Correio do Povo (8/7/13)

A primeira reunião do grupo de trabalho (GT) para agilizar a reabertura e recuperação do Mercado Público de Porto Alegre, realizada na segunda-feira (8/7), definiu seis etapas para as lojas voltarem a funcionar. Formado por técnicos da prefeitura, o grupo salientou que o primeiro passo foi dado: foram obtidas todas as plantas do prédio (projeto físico e redes de água, luz e TI). O material será digitalizado e servirá de base ao Termo de Referência, que é o documento base à licitação e contratação da empresa responsável pela reforma.

O vice-prefeito Sebastião Melo destacou três medidas emergenciais adotadas durante a avaliação dos prejuízos causados pelo incêndio. Segundo ele, foi autorizada a aquisição de cobertura provisória, que será feita sem licitação para substituir o telhado e proteger o interior do prédio. O município também poderá arcar com os custos de um gerador de energia. Os comerciantes acreditam que poderão voltar a trabalhar em uma semana nas áreas menos danificadas.

“Estamos cobrando celeridade da Smov na conclusão de laudo técnico sobre os abalos da estrutura”, afirmou. A prefeitura aguarda a liberação das perícias do IGP e da seguradora contratada pela Smic para resguardar o prédio em caso de sinistro. Somente depois disso será possível iniciar a limpeza definitiva do prédio (estimada em sete dias). O trabalho será feito pelo DMLU e a Smov.

Os próximos passos serão a elaboração do laudo técnico da Smov (prazo estimado em até 15 dias) e do projeto provisório para a cobertura. Em seguida será feito o projeto definitivo para o telhado. O GT também aguarda um parecer da CEEE sobre a subestação de energia.

Fazem parte do GT as secretarias municipais de Obras e Viação (Smov), Produção, Indústria e Comércio (Smic), Cultura (SMC) e Urbanismo (Smurb). O GT foi desmembrado em dois subgrupos, o primeiro será responsável pelo laudo estrutural da parte afetada do prédio e o segundo irá fazer o Termo de Referência.

Mercado Público de Porto Alegre nunca teve Plano de Prevenção Contra Incêndio
Zero Hora (8/07/13)

O Comando dos Bombeiros de Porto Alegre afirmou ao jornal Zero Hora que o Mercado Público nunca teve Plano de Prevenção Contra Incêndio (PPCI).

Há seis anos, em novembro de 2007, o Mercado recebeu advertência para apresentar o plano, o que não foi feito até hoje.

No começo da madrugada de sábado, o secretário Municipal da Produção, Indústria e Comércio de Porto Alegre, Humberto Goulart, havia dito que o PPCI estava vencido desde 2007, informação ratificada na manhã de hoje pelo prefeito José Fortunati durante entrevista coletiva.

Na verdade, o documento nunca existiu, segundo o tenente-coronel Adriano Krukoski, comandante dos Bombeiros da Capital. Questionado sobre o que poderia ter levado a prefeitura a informar que está vencido um documento que nem foi emitido, o oficial ponderou que pode ser decorrência de uma confusão com nomes de documentos:
— Eles confundem porque tem duas fases. Um dos documentos que integram o PPCI é o laudo de proteção contra incêndio, que diz todos os sistemas que precisam ser instalados. Tem parte do laudo que é fiscalizada pelos Bombeiros, e parte pela prefeitura. Então, talvez, por ter o laudo, eles confundam com o plano de proteção. Talvez tenham feito a parte da prefeitura, mas ainda não encaminhado aos Bombeiros.

O secretário Goulart disse há pouco não ter conhecimento sobre o plano não existir. Ele disse que sabia da necessidade de renovação e que foi isso que ordenou que fosse feito:
— Eu dou as linhas gerais e cada setor toca o trabalho. Tinham que tratar da renovação. Agora, se lá em 2007 não existia, não sei. Eu só sei o que é de janeiro (quando assumiu a secretaria) para cá.

Goulart também corrigiu outra informação que havia dado: de que ainda estava em andamento a licitação para contratar empresa para fazer o PPCI do Mercado.
— Só soube hoje que, pelo caráter de urgência, foi dispensada licitação e o PPCI do Mercado já estava em elaboração. Eu não sabia. Eu não posso acompanhar todos os detalhes — explicou.

Leia também

19/06/2024

Conheça benefício da Mútua para profissionais atingidos pela calamidade

19/06/2024

SENGE SOLIDÁRIO | Campanha Solidariedade Técnica já atende demandas da comunidade

18/06/2024

SENGE-RS completa 82 anos de história reafirmando seu compromisso com a sociedade

Descontos DELL Technologies

Aproveite os descontos e promoções exclusivas para sócios do SENGE na compra de equipamentos, periféricos e serviços da DELL Technologies.

Livro SENGE 80 anos

Uma entidade forte, protagonista de uma jornada de inúmeras lutas e conquistas. Faça o download do livro e conheça essa história!

Tenho interesse em cursos

Quer ter acesso a cursos pensados para profissionais da Engenharia com super descontos? Preencha seus dados a seguir para que possa entrar em contato com você:

Realizar minha inscrição

Para realizar a sua inscrição, ao preencher o formulário a seguir, escolha o seu perfil:

Profissionais: R$ 0,00
Sócio SENGE: R$ 0,00
Estudantes: R$ 0,00
Sócio Estudantes: R$ 0,00
CURRÍCULO

Assine o Engenheiro Online

Informe o seu e-mail para receber atualizações sobre nossos cursos e eventos:

Email Marketing by E-goi

Ao fornecer seu dados você concorda com a nossa política de privacidade e a maneira como eles serão tratados. Para consulta clique aqui

Tenho interesse em me associar

Se você tem interesse de se associar ao SENGE ou gostaria de mais informações sobre os benefícios da associação, preencha seus dados a seguir para que possa entrar em contato com você:

Ao fornecer seu dados você concorda com a nossa política de privacidade e a maneira como eles serão tratados. Para consulta clique aqui

Entre em contato com o SENGE RS

Para completar sua solicitação, confira seus dados nos campos abaixo:

× Faça contato