13/12/2023

SENGE apresenta propostas durante o seminário estadual Repensar da Emater

**Com informações da ASAE

 

O Fórum Permanente de Entidades da Emater/RS esteve reunido nesta terça (12) e quarta-feira (13) para o aguardado seminário estadual “Repensar da Emater: por uma Aters Qualificada e Forte”. O evento ocorreu no auditório do Escritório Central da Emater/RS com a presença de profissionais da empresa, representantes de entidades, parlamentares e acadêmicos.

O Sindicato dos Engenheiros, membro do Fórum, esteve representado pelo seu presidente Cezar Henrique Ferreira e pelo vice-presidente José Luiz Azambuja.

Após 12 seminários regionais que precederam este encontro, a ênfase foi a construção de propostas robustas para fortalecer a extensão rural e atender às demandas da sociedade gaúcha. A iniciativa resultou em reflexões valiosas sobre os desafios atuais e futuros da Emater e do setor no Rio Grande do Sul.

Primeiro dia do seminário

Na terça-feira, o deputado estadual, Adão Pretto Filho, saudou a realização do Repensar, principalmente por ser uma ferramenta que irá fortalecer o setor e os trabalhadores.

Na sequência, o professor Ricardo Serra Borsatto, da Universidade Federal de São Carlos/SP, abordou o cenário político da Extensão Rural e o seu potencial para a solução de diversos problemas como o aquecimento global, a erradicação da fome no País e a produção de alimentos saudáveis.

À tarde, foi realizado um debate entre autoridades políticas, além das presidentes da Emater, Mara Helena Saafeld, e da Asae, Marines Bock. Participaram também Ana Luiza Spinelli, da Superintendência Federal de Pesca e Aquicultura – SFPA-RS, o deputado estadual, Jeferson Fernandes, que preside a Frente Parlamentar da Aters na Assembleia Legislativa, e o assessor do deputado federal, Alexandre Lindenmeyer, Elói Poltronieri.

Logo após, a professora Catia Grisa e o professor Sérgio Schneider, ambos da UFRGS, abordaram o papel fundamental da Extensão Rural na solução para os problemas com o meio ambiente, o efeito estufa e demais ações que impactam diretamente na vida de cada um e na sociedade como um todo.

Por fim, ocorreu uma mesa com representantes das entidades do CTA que representam os públicos da agricultura familiar. Cada um trouxe sua visão para o futuro da extensão rural, alinhadas aos quatro eixos do “Repensar”.

Segundo dia do seminário

A programação do segundo dia iniciou com apresentação de propostas e debate entre as entidades que compõem o Forum (SENGE, Semapi, Sintargs e AERS), seguida de sistematização com os delegados eleitos.

Na oportunidade, o presidente do Sindicato, Cezar Henrique Ferreira, reiterou a importância da união entre as entidades de classe e representantes do setor da Extensão Rural neste debate, que abrange desde dilemas enfrentados em escala global, até dificuldades locais impostas pelos cortes sistemáticos de orçamento e a falta de apoio dos governos, em todos os níveis. Soma-se a isso a dramática redução do quadro de empregados da Emater, que nos últimos dois anos perdeu em torno de 800 profissionais, dificultando o cumprimento da missão junto aos agricultores familiares, às comunidades vulneráveis e em prol da segurança alimentar da população. “Vivemos em um cenário de intensas e rápidas transformações sociais, econômicas, tecnológicas e comportamentais. O mundo mudou de forma acelerada nos últimos anos. Observamos o avanço das tecnologias que transformaram os processos produtivos e o mundo do trabalho, bem como o envelhecimento da população economicamente ativa e o desinteresse das novas gerações nos modelos tradicionais de emprego e carreira. As entidades associativas, como nós, precisam se transformar para atender os novos anseios da atual classe trabalhadora e também a própria Reforma Trabalhista”, disse o presidente do SENGE-RS. “No entanto, precisamos seguir firmes no propósito de fortalecer nossas entidades para que possamos fazer frente às negociações coletivas de forma efetiva, defendendo direitos e avançando nas conquistas sempre que possível. No passado, 90% dos engenheiros da Emater eram sócios do SENGE, hoje temos menos de 50%. Precisamos transformar essa realidade e entender que um sindicato forte tem mais condições de lutar, inclusive pelo futuro da empresa”, ressaltou Cezar.

O presidente do Sindicato também ressaltou alguns eixos que a entidade considera prioritários na atuação da Emater: o trabalho em sintonia com o meio ambiente e as mudanças climáticas; a segurança alimentar da população; o combate à fome; e o apoio a grupos vulneráveis. Cezar destacou ainda a necessidade de um reordenamento administrativo, visando adequar a Emater aos novos tempos, e o incentivo a formação de lideranças técnicas.  Também defendeu, mais uma vez, uma ação política forte e coordenada envolvendo, principalmente, o governador do Estado, Eduardo Leite, na defesa do Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social (Cebas) para a Emater.

Na sequência, o vice-presidente José Luiz Azambuja reiterou a manifestação do presidente Cezar, acrescentando a importância de todas as entidades se unirem pelo fortalecimento da Emater e dos engenheiros e engenheiras da empresa. Destacou ainda sua atuação histórica, enquanto principal política pública do governo do Estado para a agricultura familiar, fundamental para a inclusão rural, tecnológica, geração de renda e desenvolvimento.

Azambuja também ressaltou a importância das equipes municipais, onde cada um com sua formação profissional e experiência contribui para o sucesso do trabalho. “Temos que agir dessa forma também nas nossas demandas e na nossa luta. As equipes de trabalho são mais importantes que as individualidades. Vamos reforçar isso e, juntos, buscar o fortalecimento da Aters no Estado”, disse o vice-presidente do SENGE.

 

Leia também

20/02/2024

SENGE celebra com os formandos em Agronomia

20/02/2024

Rodrigo Lopes fala sobre desafios de um mundo em transformação

19/02/2024

Federação Nacional dos Engenheiros celebra 60 anos em defesa dos profissionais e do desenvolvimento nacional

Descontos DELL Technologies

Aproveite os descontos e promoções exclusivas para sócios do SENGE na compra de equipamentos, periféricos e serviços da DELL Technologies.

2º lugar em Preferência na categoria Sindicato

Marcas de Quem Decide é uma pesquisa realizada há 25 anos pelo Jornal do Comércio, medindo “lembrança” e “preferência” em diversos setores da economia.

Tenho interesse em cursos

Quer ter acesso a cursos pensados para profissionais da Engenharia com super descontos? Preencha seus dados a seguir para que possa entrar em contato com você:

Realizar minha inscrição

Para realizar a sua inscrição, ao preencher o formulário a seguir, escolha o seu perfil:

Profissionais: R$ 0,00
Sócio SENGE: R$ 0,00
Estudantes: R$ 0,00
Sócio Estudantes: R$ 0,00
CURRÍCULO

Assine o Engenheiro Online

Informe o seu e-mail para receber atualizações sobre nossos cursos e eventos:

Email Marketing by E-goi

Ao fornecer seu dados você concorda com a nossa política de privacidade e a maneira como eles serão tratados. Para consulta clique aqui

Tenho interesse em me associar

Se você tem interesse de se associar ao SENGE ou gostaria de mais informações sobre os benefícios da associação, preencha seus dados a seguir para que possa entrar em contato com você:

Ao fornecer seu dados você concorda com a nossa política de privacidade e a maneira como eles serão tratados. Para consulta clique aqui

Entre em contato com o SENGE RS

Para completar sua solicitação, confira seus dados nos campos abaixo:

× Faça contato