28/08/2021

SEPULTADA DEFINITIVAMENTE A TENTATIVA DE REVOGAÇÃO DA LEI DO SALÁRIO-MÍNIMO DO ENGENHEIRO E DE DISPENSA DE ART

 

Na última quinta-feira (26), o presidente da República, Jair Messias Bolsonaro (sem partido), sancionou com vetos a Lei 14.195, de 2021, norma resultante da Medida Provisória 1.040/2021, criada com objetivo inicial de facilitar a abertura de empresas e estimular o comércio exterior, à qual foram incorporadas dezenas de “jabutis”, ao tramitar na Câmara dos Deputados e no Senado Federal. Entre os “jabutis”, estava a extinção da Lei 4950-A/66 que criou o salário-mínimo profissional dos engenheiros, e o art. 37 que dispensava a Anotação de Responsabilidade Técnica (ART) para instalações elétricas de até 140 kVA.

Vale lembrar o papel decisivo da grande mobilização feita pelas entidades da Engenharia, em âmbito local e nacional, incluindo o SENGE-RS e a FNE desde os primeiros dias. Da mesma forma, destacamos o posicionamento favorável à manutenção do SMP dos senadores Lasier Martins ((Podemos/RS), Paulo Paim (PT/RS), assim como do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, que em 04 de agosto passado, deferiu a impugnação do inciso XII do artigo 57 do Projeto de Lei de Conversão nº 15/2021, que objetivava revogar a Lei 4.950-A/66, que determina o Piso Salarial da categoria, embora tenha mantido o art. 37.

O referido requerimento pela impugnação foi apresentado pelo relator, o senador Irajá Silvestre (PSD/TO), parecer aprovado no Senado por 72 votos favoráveis e nenhum contrário. Com o deferimento, a matéria retornou à Câmara dos Deputados na quinta-feira (5), onde o plenário rejeitou por 413 votos contrários a 14 favoráveis as modificações realizadas pelo Senado. Apesar disso, os parlamentares aprovaram um destaque apresentado pelo Partido dos Trabalhadores para suprimir o trecho que revogava a Lei 4.950-A/1966, o que neutralizou a ameaça de extinção desta que é a maior de todas as conquistas dos profissionais brasileiros. Assim, restou a manutenção do art. 37, da dispensa da ART para instalações elétricas até 140 kVA, o que colocaria em risco a sociedade. A partir daí, a articulação das entidades no Congresso passou a pressionar os deputados para que fosse construído um acordo com o líder do governo, deputado Ricardo Barros (PP-PR), no sentido de firmar compromisso de modo que, na sanção da lei, o presidente vetasse o artigo 37, veto que, de fato aconteceu na última quinta feira dia 26 de agosto, configurando uma grande vitória da Engenharia brasileira e da sociedade.

 

Confira a sequência de ações e manifestações do SENGE-RS em torno da questão:

SENGE DEFENDE PISO SALARIAL DO ENGENHEIRO EM REUNIÃO COM ASSESSORIA DO SENADOR PAULO PAIM 

SENGE ACIONA SENADOR LASIER MARTINS PELA DEFESA DO SALÁRIO-MÍNIMO PROFISSIONAL 

COLUNA DESTAQUES DA ENGENHARIA NO JORNAL CORREIO DO POVO 

VITÓRIA NO SENADO 

 

 

Leia também

17/07/2024

SENGE-RS presente no lançamento do livro do Grupo de Investigação (GDI) da RBS

16/07/2024

SENGE reforça a parceria de quase 30 anos com a Unimed

16/07/2024

SENGE-RS participa de evento em prol do Movimento pelos Direitos da Criança e do Adolescente

Descontos DELL Technologies

Aproveite os descontos e promoções exclusivas para sócios do SENGE na compra de equipamentos, periféricos e serviços da DELL Technologies.

Livro SENGE 80 anos

Uma entidade forte, protagonista de uma jornada de inúmeras lutas e conquistas. Faça o download do livro e conheça essa história!

Tenho interesse em cursos

Quer ter acesso a cursos pensados para profissionais da Engenharia com super descontos? Preencha seus dados a seguir para que possa entrar em contato com você:

Realizar minha inscrição

Para realizar a sua inscrição, ao preencher o formulário a seguir, escolha o seu perfil:

Profissionais: R$ 0,00
Sócio SENGE: R$ 0,00
Estudantes: R$ 0,00
Sócio Estudantes: R$ 0,00
CURRÍCULO

Assine o Engenheiro Online

Informe o seu e-mail para receber atualizações sobre nossos cursos e eventos:

Email Marketing by E-goi

Ao fornecer seu dados você concorda com a nossa política de privacidade e a maneira como eles serão tratados. Para consulta clique aqui

Tenho interesse em me associar

Se você tem interesse de se associar ao SENGE ou gostaria de mais informações sobre os benefícios da associação, preencha seus dados a seguir para que possa entrar em contato com você:

Ao fornecer seu dados você concorda com a nossa política de privacidade e a maneira como eles serão tratados. Para consulta clique aqui

Entre em contato com o SENGE RS

Para completar sua solicitação, confira seus dados nos campos abaixo:

× Faça contato