02/06/2010

Assédio moral no trabalho: ninguém merece

O processo de globalização da economia, no qual o Brasil está diretamente envolvido, pressionou de forma marcante as relações de trabalho nos últimos vinte anos. Diante deste quadro, os profissionais de todos os níveis hierárquicos mantiveram-se posicionados no centro do embate gerado pelas tentativas de flexibilização e os esforços que resistiam à mudança, pressionados num espaço cada vez mais dinâmico e competitivo.

Emerge desta situação o chamado Assédio Moral, um problema que não é exatamente novo, mas que tem se alastrado com grande intensidade neste início de milênio. Isso se deve em parte pelas transformações da pós-modernidade. Mas por outro lado, também porque a cada dia que passa mais pessoas, entidades, gestores e, claro, as empresas, vêm dando mostras de que algo precisa ser feito.

Mais uma vez, nós brasileiros saímos atrás, já que em alguns países desenvolvidos, o assédio moral (e o sexual) no ambiente de trabalho já é objeto de legislação penal específica. Na França, por exemplo, é passível de pena prisional. Apesar do atraso, no Brasil, muitas iniciativas já vêm tomando forma, e isso é mais do que salutar.

É o caso da Cartilha Assédio Moral no Trabalho – Não aceite esta violência, editada pela Comissão Interna de Prevenção de Acidentes da CORSAN, com apoio da ASCORSAN, AECO e ADVOCO. O objetivo básico da publicação é permitir a abordagem do problema a partir de estratégias individuais (de sobrevivência) e coletivas (de transformação). O lançamento da cartilha representou a primeira iniciativa da CIPA no sentido de adotar tais estratégias coletivas, de caráter preventivo, e que beneficiam a todos inclusive a empresa, já que informa sobre um problema cuja gravidade pode não ser facilmente percebida.

A iniciativa teve origem a partir da análise de dados fornecidos pelo Departamento de Saúde e Segurança da Superintendência de RH da empresa que indicavam em 2009 que as chamadas “causas psiquiátricas” representavam a segunda maior causa de afastamentos ao trabalho na Sede da Companhia, no Centro de Porto Alegre, onde predominam atividades administrativas.

Mesmo não identificados diretamente com conseqüência de qualquer tipo de assédio, os números indicavam que algo precisava ser feito, ainda mais se levarmos em consideração que a empresa passa por uma significativa fase de renovação de quadros e mudanças estruturais.

Segundo a cartilha, “Assédio Moral é a exposição do trabalhador a um conjunto de atitudes, gestos, ações, palavras e comportamentos que visam à dominação e submissão, e que o levam a viver situações de constrangimento e humilhação, de menosprezo, inferioridade, culpabilidade e descrédito diante dos colegas, durante o exercício de sua função, de forma repetitiva”. Para a engenheira Vera Lúcia De Có, vice-presidente do CIPA da Sede da CORSAN e uma das responsáveis pelo projeto, o assédio desestabiliza a relação da vítima com o ambiente de trabalho, com os colegas e com a empresa. Segundo ela, é fundamental que o problema seja cada vez mais discutido pois muitos colegas “são vítimas sem saber”.

A cartilha oferece informações que definem o assédio moral, e apresenta suas formas, tipos de ocorrências e as características de quem assedia. Além disso, identifica os alvos de preferência, e quais as conseqüências para a saúde da vítima (psicológicos, sociais e físicos), além de dar orientações de como proceder, incluindo endereços úteis e sites de referência.

Leia também

29/05/2024

Estado publica editais de credenciamento para contratação de serviços técnicos de engenharia

28/05/2024

ARTIGO | Transição energética e hidrogênio verde

24/05/2024

SENGE sedia evento que debateu Sistema de Proteção contra inundações de Porto Alegre

Descontos DELL Technologies

Aproveite os descontos e promoções exclusivas para sócios do SENGE na compra de equipamentos, periféricos e serviços da DELL Technologies.

Livro SENGE 80 anos

Uma entidade forte, protagonista de uma jornada de inúmeras lutas e conquistas. Faça o download do livro e conheça essa história!

Tenho interesse em cursos

Quer ter acesso a cursos pensados para profissionais da Engenharia com super descontos? Preencha seus dados a seguir para que possa entrar em contato com você:

Realizar minha inscrição

Para realizar a sua inscrição, ao preencher o formulário a seguir, escolha o seu perfil:

Profissionais: R$ 0,00
Sócio SENGE: R$ 0,00
Estudantes: R$ 0,00
Sócio Estudantes: R$ 0,00
CURRÍCULO

Assine o Engenheiro Online

Informe o seu e-mail para receber atualizações sobre nossos cursos e eventos:

Email Marketing by E-goi

Ao fornecer seu dados você concorda com a nossa política de privacidade e a maneira como eles serão tratados. Para consulta clique aqui

Tenho interesse em me associar

Se você tem interesse de se associar ao SENGE ou gostaria de mais informações sobre os benefícios da associação, preencha seus dados a seguir para que possa entrar em contato com você:

Ao fornecer seu dados você concorda com a nossa política de privacidade e a maneira como eles serão tratados. Para consulta clique aqui

Entre em contato com o SENGE RS

Para completar sua solicitação, confira seus dados nos campos abaixo:

× Faça contato