30/05/2012

Estado terá Plano de Irrigação

O governo do Estado espera prevenir os efeitos da estiagem com um Plano Estadual de Irrigação. "Estamos cumprindo todas as etapas preparatórias para receber os recursos da União", explicou o diretor do Departamento de Irrigação da Secretaria de Obras Públicas, Irrigação e Desenvolvimento Urbano, Paulo Paim. Há previsão de que um convênio seja assinado no próximo mês e, até o final do ano, seja construído o projeto.

"A estiagem se ameniza de duas maneiras: a partir de planejamento de como utilizar a água e através de ações especificas, como construção de açudes e cisternas. O plano vai organizar melhor as medidas do Estado", explicou Paim. De acordo com ele, o mapa da seca mudou. "Até esse verão, as nossas estiagens castigavam muito a Metade Sul, mas agora passou para o Noroeste e o Nordeste. Isso indica como um planejamento é importante para cobrir o Estado como um todo", alertou Paim. "Não podemos ter uma política de saneamento e de irrigação separadas", acrescentou.

Conforme a secretaria estadual, em 2011, foram construídos 450 açudes em 90 municípios gaúchos, totalizando um investimento de R$ 4,9 milhões. Estão em execução outros 302 açudes, em 56 municípios, com recursos de aproximadamente R$ 3,3 milhões.

Mais 433 açudes já foram licitados e eles devem beneficiar 105 cidades, com investimento de R$ 11 milhões. Este ano, o governo dá continuidade às obras das barragens dos arroios Jaguari e Taquarembó. Está prevista também a execução de obras de 75 novas redes de abastecimento de água em áreas rurais, cujos projetos estão em desenvolvimento.

Nos últimos dias, o secretário de Obras Públicas, Irrigação e Desenvolvimento Urbano, Luiz Carlos Busato, conheceu tecnologias utilizadas em Israel, que podem servir como modelo para o Rio Grande do Sul. Ele fez parte de uma comitiva, integrada também pelo secretário estadual da Agricultura, Pecuária e Agronegócio, Luiz Fernando Mainardi. Na cidade de Netânya, por exemplo, toda a água usada na agricultura é proveniente da reciclagem do esgoto e da chuva. O local tem 42 mil habitantes. "Com o apoio do governo, os agricultores formaram uma cooperativa autossustentável para a distribuição de água potável e para a agricultura irrigada", disse Busato.

Correio do Povo

Leia também

29/05/2024

Estado publica editais de credenciamento para contratação de serviços técnicos de engenharia

28/05/2024

ARTIGO | Transição energética e hidrogênio verde

24/05/2024

SENGE sedia evento que debateu Sistema de Proteção contra inundações de Porto Alegre

Descontos DELL Technologies

Aproveite os descontos e promoções exclusivas para sócios do SENGE na compra de equipamentos, periféricos e serviços da DELL Technologies.

Livro SENGE 80 anos

Uma entidade forte, protagonista de uma jornada de inúmeras lutas e conquistas. Faça o download do livro e conheça essa história!

Tenho interesse em cursos

Quer ter acesso a cursos pensados para profissionais da Engenharia com super descontos? Preencha seus dados a seguir para que possa entrar em contato com você:

Realizar minha inscrição

Para realizar a sua inscrição, ao preencher o formulário a seguir, escolha o seu perfil:

Profissionais: R$ 0,00
Sócio SENGE: R$ 0,00
Estudantes: R$ 0,00
Sócio Estudantes: R$ 0,00
CURRÍCULO

Assine o Engenheiro Online

Informe o seu e-mail para receber atualizações sobre nossos cursos e eventos:

Email Marketing by E-goi

Ao fornecer seu dados você concorda com a nossa política de privacidade e a maneira como eles serão tratados. Para consulta clique aqui

Tenho interesse em me associar

Se você tem interesse de se associar ao SENGE ou gostaria de mais informações sobre os benefícios da associação, preencha seus dados a seguir para que possa entrar em contato com você:

Ao fornecer seu dados você concorda com a nossa política de privacidade e a maneira como eles serão tratados. Para consulta clique aqui

Entre em contato com o SENGE RS

Para completar sua solicitação, confira seus dados nos campos abaixo:

× Faça contato