14/07/2017

Poder Público dificulta atividade dos profissionais que atuam com prevenção e proteção contra incêndio

Atualmente, muitas edificações permanecem sem as devidas medidas de segurança, aguardando trâmites de análises e vistorias por parte do órgão público responsável pela emissão de certificados de conformidade e alvarás de prevenção contra incêndio no estado do RS, colocando em risco as famílias que ocupam as edificações.

Embora a força-tarefa de análises do Corpo de Bombeiros, como também esforços e estratégias de melhorias que vem sendo implantadas tenham trazido maior agilidade na tramitação dos planos que estavam represados, é importante ressaltar a extrema dificuldade que muitos profissionais ainda têm em protocolar novos processos, enfrentando problemas de agendamento e a instabilidade do sistema sobrecarregado.

Neste contexto, sobre as informações divulgadas no dia 30 de junho em relação a supostas irregularidades e erros encontrados em cerca de 90% dos processos de PPCI (veja repercussão abaixo), o SENGE alerta que muitas dessas notificações são dadas de forma indevida. Em certos casos são ainda solicitados documentos além daqueles exigidos por regulamentação, situação que nos leva a concluir que até os analistas de processos no Corpo de Bombeiros estão abarrotados em meio às constantes alterações e atualizações de legislação.

Manifestamos ainda nossa preocupação em relação à Lei Kiss Federal (Lei nº 13425/2017), que entrará em vigor em outubro de 2017, em especial os artigos 2°, 3°, 8° e 21°, destacando o conflito com o que determina a Lei Federal nº 5.194/66, que rege o exercício profissional dos engenheiros.

Assim, o Sindicato dos Engenheiros mais uma vez se coloca à disposição para contribuir e dialogar com todas as partes envolvidas no processo, incluindo os conselhos, entidades de classe, Corpo de Bombeiros e profissionais que atuam na prevenção contra incêndio no Estado, e junto definirmos o melhor caminho para solucionar os conflitos e combater os equívocos que vêm sendo divulgados na imprensa.

Destacamos, por fim, a tramitação da Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) ajuizada pelo SENGE contra a flexibilização da legislação estadual de prevenção e proteção contra incêndios, reiterando nossa mobilização contra a precarização e o desprezo à competência técnica necessária a este processo (Leia mais sobre a Ação).

Veja a repercussão na imprensa:

Mutirão dos bombeiros analisa mais de 13 mil PPCIs em 30 dias

Cerca de 90% dos planos contra incêndio precisam de correção em Porto Alegre

Leia também

20/02/2024

SENGE celebra com os formandos em Agronomia

20/02/2024

Rodrigo Lopes fala sobre desafios de um mundo em transformação

19/02/2024

Federação Nacional dos Engenheiros celebra 60 anos em defesa dos profissionais e do desenvolvimento nacional

Descontos DELL Technologies

Aproveite os descontos e promoções exclusivas para sócios do SENGE na compra de equipamentos, periféricos e serviços da DELL Technologies.

2º lugar em Preferência na categoria Sindicato

Marcas de Quem Decide é uma pesquisa realizada há 25 anos pelo Jornal do Comércio, medindo “lembrança” e “preferência” em diversos setores da economia.

Tenho interesse em cursos

Quer ter acesso a cursos pensados para profissionais da Engenharia com super descontos? Preencha seus dados a seguir para que possa entrar em contato com você:

Realizar minha inscrição

Para realizar a sua inscrição, ao preencher o formulário a seguir, escolha o seu perfil:

Profissionais: R$ 0,00
Sócio SENGE: R$ 0,00
Estudantes: R$ 0,00
Sócio Estudantes: R$ 0,00
CURRÍCULO

Assine o Engenheiro Online

Informe o seu e-mail para receber atualizações sobre nossos cursos e eventos:

Email Marketing by E-goi

Ao fornecer seu dados você concorda com a nossa política de privacidade e a maneira como eles serão tratados. Para consulta clique aqui

Tenho interesse em me associar

Se você tem interesse de se associar ao SENGE ou gostaria de mais informações sobre os benefícios da associação, preencha seus dados a seguir para que possa entrar em contato com você:

Ao fornecer seu dados você concorda com a nossa política de privacidade e a maneira como eles serão tratados. Para consulta clique aqui

Entre em contato com o SENGE RS

Para completar sua solicitação, confira seus dados nos campos abaixo:

× Faça contato